NORTEC COLLECTIVE
Nortec Collective ‘e um grupo formado por DJs latinos que tem como principais nomes Bostich e Fussible, O grupo se
Leia Mais
114 people follow lapaloop
bluehelixmusic blueheli humbleartist humblear anokatoband anokatob djhouseflowerz djhousef radioeixo radioeix FathomAcademy FathomAc judy_altaf judy_alt ArcticMovers ArcticMo peter_pervers peter_pe ElephantStereo Elephant itstimwhite itstimwh moonglow404 moonglow realSideThorn realSide icETbitch icETbitc paulmannersfans paulmann SinghLions SinghLio MikeyGuitar_ MikeyGui loscomingsoon loscomin
http://lapaloop.com/wp-content/uploads/2009/11/Nina-Simone.png
Dizem que os músicos, poetas cantores, escritores, artistas em geral tem uma sensibilidade mais aguçada e através dela captam mais e melhor as referências oferecidas ao longo da vida para inspirar a sua arte.
Olhando por esse prisma podemos dizer que Nina Simone extrapolou esta capacidade absorvendo tanto a inspiração poética da vida, como o ódio, a dor e a inconformidade das injustiças sociais vividas em sua época.
Mulher e negra, nasceu e viveu maior parte de sua vida nos EUA, um pais segregado que boicotou grande parte dos seus sonhos por ser negra, como por exemplo: impossibilidade de ser musicista clássica apesar de ter cursado piano clássico na severa Juilliard School, em Nova York.
Esta frustração coincidiu com um dos momentos mais fervilhante da historia do humanidade que foram os movimentos pelos direitos civis dos negros americanos.
Mortes, violência e dor gerados pela covardia, insanidade e insensatez da segregação racial nas ruas atingiam diretamente a alma desta artista que usou a sua voz e a sua musica como uma potente arma de conscientização e principalmente revolta contra as atrocidades cometidas contra os negros neste período.
Conhecer o trabalho de Nina Simone é conhecer um pouco desta historia. E expandir este conhecimento para antes e depois deste período politico, é conhecer a vida de uma mulher visceral, inconformada, violenta, destemida mas ao mesmo tempo sensível, intuitiva, doce, inteligentíssima e acima de tudo multi talentosa.
Nina Simone na Lapaloop.